AESBE Associação das Empresas de Saneamento Básico Estaduais


Rede de esgoto da Bacia da Pajuçara avança 87%

O Jornal – AL

Publicado em: 09/09/2011

A Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra) divulgou, nesta quinta-feira (08), novo balanço sobre a obra de Esgotamento Sanitário da Bacia da Pajuçara. Os trabalhos já estão 87% concluídos, de acordo com relatório técnico apresentado pela Superintendência de Obras da Seinfra. Cerca de 280 mil moradores dos bairros da Ponta Verde, Jatiúca, Cruz das Almas, Mangabeiras e Jacarecica serão beneficiados.

 

A obra compreende a implantação de 41 km de rede coletora de esgoto, dos quais 36 km já foram executados; a instalação de cerca de 4.700 ligações domiciliares, dentre as quais 2.116 já foram realizadas; e a implantação de 3,2 km de emissário de recalque, que já foi completamente instalado.

 

Além disso, estão sendo implantados aproximadamente 1,9 km de rede interceptora, cuja finalidade é conduzir os dejetos da rede de esgoto, equilibrando o fluxo no coletor tronco existente. O projeto compreende ainda a instalação de duas estações elevatórias, uma no bairro de Jacarecica, onde já foi totalmente finalizada, e outra em Cruz das Almas, onde se encontra em fase de conclusão.

 

Segundo o engenheiro fiscal da Seinfra, Nilton Mesquita, a ação irá contribuir para a descontaminação das praias. “Atualmente, parte todo o esgoto vindo dos domicílios está sendo direcionada para a rede de drenagem de águas pluviais e lançada nos córregos e na orla marítima. Com o esgotamento sanitário da Bacia da Pajuçara, os problemas de poluição dos mares e lagoas serão minimizados”, explica Mesquita.

 

A Avenida Pilar, localizada no bairro da Mangabeiras, as ruas Patury Accioly e Soldado Eduardo dos Santos, ambas localizados na Ponta Verde, e a Rua São Francisco, no bairro da Jatiúca, são alguns locais onde a obra está sendo executada.

 

Investimentos

Outras obras na área de saneamento já foram concluídas pelo Governo de Alagoas, como a implantação de novos anéis de distribuição de água, nos bairros da Pajuçara, Jatiúca e Ponta Verde, e a rede de esgoto da Baixa Maceió, no bairro do Vergel.

 

Segundo a superintendente de Obras da Seinfra, Sílvia Valéria Lima, os investimentos em saneamento básico no interior e na capital de Alagoas têm sido prioridade da atual gestão do Governo do Estado. “Somente em Maceió, o índice de cobertura da rede de esgoto dobrou de 24% para cerca de 40% de 2007 para cá”, informa.

 

Saúde

O secretário de Estado da Infraestrutura, Marco Fireman, explica que os investimentos realizados na área de saneamento são essenciais também para o setor da Saúde.

 

“Sempre é bom lembrar que cada investimento que fazemos em saneamento implica na redução de gastos com tratamento de doenças contraídas por água contaminada pelo esgoto. Por isso, a adoção de medidas de saneamento básico é uma de nossas prioridades”, destaca Fireman.

 

Em todo o Estado, estão sendo implantados mais de 130 quilômetros de rede de esgotamento sanitário e mais de 120 quilômetros de rede de abastecimento de água, beneficiando cerca de 1,1 milhão de alagoanos.

Fonte: Assessoria da Seinfra/AL

Comentários

Comentar

 

Esqueci a senha

 
 

Empresas Associadas

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 8º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3326-4888