Comissão rejeita mudança de parâmetros da conta de água

Reportagem – Carol Siqueira

Edição – Roberto Seabra

Agência Câmara Notícias

15/08/2019 – 18:02 

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados rejeitou mudança nos parâmetros para a conta de água do brasileiro.

O Projeto de Lei 4301/12, do deputado Laercio Oliveira (PR-SE), inclui a metragem cúbica (m³) consumida pelo usuário como uma variável de cobrança.

Atualmente, a conta de recursos hídricos é baseada nos lançamentos de esgoto e no volume de água retirado, inclusive a variação no decorrer de um ano.

O relator, deputado Frei Anastacio Ribeiro (PT-PB), votou pela rejeição por argumentar que o consumo já é um componente da conta, pois a lei fala explicitamente em cobrar pelo volume de água retirado pela unidade. “A proposição não inova a legislação, além de pecar na técnica legislativa”, avaliou.

Tramitação

A proposta ainda será analisada em caráter conclusivo pelas comissões de Minas e Energia; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account