Caema e Corpo de Bombeiros alinham estratégias em reunião

Membros da Diretoria da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão  (Caema) e Corpo de Bombeiros se reuniram na última terça-feira, dia 31, para traçar estratégias no gerenciamento do uso de hidrantes na capital e outras ações. Na reunião, estavam presentes o presidente da CAEMA, Carlos Rogério Araújo; o Diretor de Operações e Manutenção, André Paulas; o Diretor de Gestão Administrativa, Financeira e de Pessoas da CAEMA, Nilson Ferreira, o assessor técnico da presidência, o engenheiro Clenilson Novaes; Denilson Santos, Gerente de Suporte Administrativo; Eduardo Bustamante, Gerente de Controle e Desenvolvimento Operacional; e ainda o subcomandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Izac; e o analista de projetos, capitão Augusto.

O ponto focal da reunião foi o planejamento de ações conjuntas entre a CAEMA e o Corpo de Bombeiros para a identificação dos pontos em que há a necessidade da instalação ou revitalização de hidrantes em toda a cidade. “Estamos recebendo o Corpo de Bombeiros para alinhar a questão da disponibilidade de hidrantes na cidade. Neste trabalho conjunto, vamos dar garantia com água na pressão adequada para a execução adequada do trabalho dos Bombeiros. Recebemos de bom grado este pleito deles e vamos unir esforços para dotar a cidade de equipamentos necessários para a preservação da vida”, disse Carlos Rogério, presidente da CAEMA.

Hidrantes são terminais hidráulicos com registro, mangueira e esguicho. Para seu funcionamento, o hidrante é conectado a uma fonte de água e possui um ou mais bocais onde podem ser encaixadas mangueiras que levarão água até o local do incêndio e também uma válvula semelhante a uma torneira que controla a quantidade de água que sai pelos bocais. É importante lembrar que o equipamento é operado por bombeiros ou por pessoas treinadas pertencentes a brigadas de incêndio, por necessitar de cuidados especiais dada a alta pressão da água que sai pelos bocais e passa pelas mangueiras e válvulas de incêndio. Ao todo, há na capital, 63 hidrantes.

“Esta reunião é bem-vinda e salutar. Com a sinalização da revitalização dos hidrantes já existentes na capital, vamos dar uma cobertura maior para a população no caso de sinistros. Com esta parceria, vamos poder ofertar um melhor serviço para a população da capital”, comentou o Coronel Izac. “A ideia é que levemos também aos bairros que não possuem hidrantes para fortalecer a comunidade e dar uma maior segurança aos moradores”, completou.

Dentro da parceria firmada, o Corpo de Bombeiros vai disponibilizar o mapeamento georeferencial dos hidrantes e a CAEMA fará a análise de quais destes poderá ter carga constante para a realização do trabalho dos bombeiros, de acordo com a viabilidade de produção das áreas em que os hidrantes estão instalados. Na oportunidade, foram também alinhados treinamentos de capacitação contra incêndios nas unidades do Sacavém e Italuís.

O Coronel Izac também lembrou que o trabalho de prevenção precisa ser realizado com eficácia para que incêndios sejam evitados. “Mais importante que o hidrante é a participação do morador. A ênfase deve ser feita na prevenção do incêndio”, pontuou.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account